Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Depois da máquina de lavar...

 

...está a querer avariar a máquina de secar roupa!

Já apanhei vários sustos com o raio da máquina, mas ainda não descobri qual é, afinal, o problema dela. Também não me dei ao trabalho de chamar um técnico para o fazer.

A primeira vez que a pus a trabalhar, neste outono, ouvi uns estalidos, mas pensei que fosse o fecho de algum casaco ou algo de metal a bater no tambor ou na porta da máquina. Só depois me apercebi que era  outra coisa.

Depois disso, voltei a experimentar. Umas vezes faz esses estalos, outras não. Houve, inclusive, uma ocasião em que só tinha ligado a máquina na tomada, e ainda nem a tinha posto a trabalhar, e já ela estalava! Quando a liguei, não fez nada.

Ontem voltou a acontecer. Depois da Tica ter fugido, fechei a porta da cozinha e viemos para a sala. Às tantas, diz a minha filha "oh mãe, está alguma coisa a estalar". 

Abro a porta, e apanho um grande susto. Os estalos eram tão grandes que eu já pensava que a porta estava a saltar aos bocados e que a máquina ia rebentar!

Lá a desliguei no botão e na tomada, e desisti. O que vale é que, como a roupa sai da nova máquina de lavar muito menos molhada, demora menos tempo a secar e consegui enxugá-la toda.

Sim, chamem-se burra por andar a arriscar desta maneira. Mas é que uma pessoa vai evitando ao máximo chamar alguém e gastar dinheiro, e vai-se desenrascando.

Mas estou mesmo a ver que a máquina de secar roupa tem mesmo que ser arranjada, ou corro o risco de se avariar de vez, e ter que comprar uma nova!

Vem aí...

 

A edição n.º 5 da revista Blogazine está quase a chegar, e com ela o meu lado de jornalista!

Para este mês, resolvi dar asas à minha faceta de entrevistadora, e o resultado foi um artigo e uma pequena conversa virtual com a Maria!

Não sabem que é? Marias há muitas, é verdade, mas Maria só há uma, e é esta menina.

Ainda hoje de manhã andava eu e a minha filha a cantar as músicas dela!

 

Podem ouvi-la em https://www.youtube.com/channel/UCUK-Gpghg82AZMKoEpfWZbA ou também no MEO Kanal, no Nº499370

 

Aqui fica o vídeo da sua presença no programa Grande Tarde, da SIC.

 

 

Podem por favor fazer uma pausa...

 

..e não falar durante uns tempos de trails, maratonas, caminhadas e corridas?

É que tudo o que é demais enjoa e eu, que ainda nem sequer comecei a correr, já estou cansada de tanto ouvir falar destes assuntos.

Em casa, o meu marido está sempre a falar dos trails que gostava de fazer, das corridas em que se vai inscrever, dos sites que publicitam estas provas.

Parece que agora é moda toda a gente correr, toda a gente participar em provas, toda a gente escrever e falar sobre isso.

Toda a vida houve atletas e outras pessoas que fizeram e fazem da corrida um hobby, uma forma de estarem em forma sem gastar dinheiro, uma terapia. Mas não são esses que andam sempre a falar do assunto. Para esses é algo que faz parte da rotina, algo natural. Podem recomendar a esta ou aquela pessoa, incentivar, mas só isso.

Por outro lado, são muitos os novas adeptos desta modalidade que fazem questão de mostrar o que fazem, porque fazem, como, quando e onde fazem.

Às tantas, parece-me que as pessoas estão mais interessadas em mostrar que correm, do que na corrida propriamente dita. 

E até o termo mudou para uma palavra mais fashion - em vez de corrida, agora é running! Hoje em dia, em vez de as pessoas pegarem nuns ténis, num fato de treino, e saírem para a rua, vão agora também equipadas com telemóveis e outros equipamentos para registar por onde passaram, que tempo fizeram, os km que percorreram, etc. Há, inclusivé, programas para isso!

Acho um exagero! Mas como a moda está longe de passar de moda, podiam pelo menos fazer uma pequena pausa, e dar tempo de antena a outros assuntos? 

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP

  • Pág. 1/9