Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Sigam esta caixinha de música!

 

Em dia de follow friday, o meu destaque vai para um blogue que tenho acompanhado, e que já me fez recordar muitas músicas que estavam adormecidas. 

Sabem quando aqueles mágicos começam a tirar algo da cartola, e atrás daquilo vem outra coisa, e por aí fora? É esse o efeito que A minha caixinha de música tem em mim: através daquela música, lembro-me de outra, e essa outra remete-me para outra que me faz recordar outra, sem parar!

 

E porque a leitura é outra das minhas paixões, o Pedro Rodrigues proporciona-me também a leitura do seu conto Tudo por Amor, que me tem mantido presa a cada capítulo!

Fui eu que escrevi isto?

Resultado de imagem para what

 

 

Já vos aconteceu lerem algo que escreveram há bastante tempo, olhar para aquelas palavras, para aquele texto, e perguntarem-se "fui mesmo eu que escrevi isto?"?

 

Acontece-me tantas vezes! 

E penso "não sei como é que estas palavras saíram, mas se fosse hoje, nunca conseguiria escrever isto".

De uma forma geral, parece que tudo o que escrevo hoje, não sai tão bem como o que escrevia há uns anos atrás.

Música para inspirar a escrita

 

Haverá algo melhor para inspirar quem escreve, que a música certa para determinadas palavras?!

No domingo estava a escrever uma parte do livro que exigia um determinado tipo de sentimentos. Por isso mesmo, pus a tocar estas duas músicas, que me pareceram perfeitas para o momento.

Escusado será dizer que adoro as duas!

 

 

 

 

 

Workshop de Escrita para adultos

 

"Qualquer pessoa pode ESCREVER um livro, mas poucas têm noção do quanto pode ser simples EDITAR um livro! Para quem tem esta curiosidade e vontade de colocar pra FORA o que muitas vezes fica desperdiçado lá DENTRO... dia 29 de Julho na Sala Multiuso da Meleca, vou mostrar passo a passo como é possível realizar um projeto sem ser refém de instituições pouco sérias!", por Rosana Antonio

 

Se gostam de escrever mas não sabem, muitas vezes, por onde começar, se gostavam de editar o vosso próprio livro, mas não fazem ideia dos passos que devem dar para que isso se torne real, ou se, simplesmente, gostariam de saber mais sobre o tema, estiverem de férias aqui por perto, e puderem aparecer, aproveitem esta oportunidade.

  • Blogs Portugal

  • BP