Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Poesia Caseira!

Estou, certamente, sob o efeito da picada de um qualquer bicho das rimas. É a única explicação para estes versos que saíram desta cabecinha pensadora!

 

(à noite, quando me deitei)

 

Deitar tarde,

 e cedo erguer,

não dá saúde,

mas que se pode fazer!

 

O trabalho tem que ser feito,

e tudo depende de mim.

Não me resta outro jeito,

mas cheguei à cama, por fim!

 

Por vezes falta-me tempo,

para mandar uma mensagem.

Espero então um momento,

em que faça uma paragem!

 

 

(de manhã, ao acordar)

 

Bom dia meu fofinho,

aqui estou eu a acordar.

Mesmo cheia de soninho,

na cama não posso ficar!

 

Encho-me então de coragem,

para tudo despachar.

Seguindo-se uma viagem,

para, na escola, a Inês deixar!

 

Depois chega a nossa vez,

de contar as novidades.

Sempre com tal rapidez,

que não dá para matar as saudades!

 

(já no trabalho)

 

Agora que estou aqui,

chega a tua vez de deitar.

Bom descanso para ti,

que comigo possas sonhar!

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP