Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

O maior amor do mundo

 

O maior amor do mundo retrata a luta entre uma mãe biológica – Paige - que, três anos antes, abandonou o marido Joe, e os filhos – Annie, na altura com três anos, e Zach, com apenas alguns meses – sem nunca mais ter dado notícias, e uma madrasta - Ella, que surgiu na vida de Joe e das crianças nessa mesma altura, e os criou como se fossem seus, e a quem eles carinhosamente chamam de mãezinha.

Tudo começa após a morte de Joe. Paige surge do nada para reinvindicar os seus direitos de mãe. E Ella vê-se obrigada a lutar desesperadamente para que não lhe levem os “seus” meninos sobre os quais, legalmente, não tem direito nenhum.

À medida que a trama se vai desenrolando e embora, à primeira vista, Paige seja a “má da fita”, muitos segredos vão sendo desvendados e Ella percebe que, afinal, nem tudo é o que parece, e as coisas podem não ter acontecido exactamente da forma como lhe foram contadas.

Ainda assim, embora consiga compreender, até certo ponto, como Paige se sente, considero que as suas actuais atitudes não são, de todo, as mais correctas. Já Ella, mostrou honestidade e generosidade revelando, em tribunal, e quando já tinha a certeza de que a guarda lhe seria concedida, uma verdade que muda por completo o rumo da história.

E mostrou, quando percebeu no que o seu gesto resultou, um grande amor por estes filhos adoptivos, quando decidiu não desistir e ponderou a hipótese de mudar tudo na sua vida para estar perto deles.

Apesar da raiva, dos ciúmes, dos segredos e do sentimento de injustiça, por estar a perder tudo o que tinha na vida, Ella consegue fazer o que mais ninguém foi capaz – dá um novo impulso ao negócio da família de Joe, quebra todos os “muros” erguidos pelas diversas personagens que durante anos as impediram de falar dos seus medos e das suas histórias, e consegue ter a coragem para tentar perceber o que aconteceu a Paige, para chegar até ela, e voltar a ter nos seus braços a sua Banannie e o seu Zachossaurus, como carinhosamente os apelida!  

E a pergunta que todos fazemos é: quem vencerá, no final, esta batalha? Qual será, de facto, o maior amor do mundo? A resposta, terão que a encontrar vocês…

Uma excelente história que eu recomendo.

 

  • Blogs Portugal

  • BP