Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Depois da Revista, o Livro das Pulseiras de Elásticos!

 

Algumas febres, com a mesma intensidade que vêm, também se vão. É o que está a acontecer com as pulseiras de elásticos.

A minha filha já raramente pega no material para fazer o que quer que seja. As lojas dos chineses já não têm nem uma terça parte da variedade de elásticos, teares e outras coisas que tinham.

Talvez por isso, tenham tido a ideia de lançar O Livro das Pulseiras de Elásticos. Está em pré-venda, com data de lançamento prevista para 15 de Julho.

Dizem que o referido livro irá garantir a diversão de miúdos e graúdos, nos seus tempos livres, nas viagens de autocarro, ou em qualquer outro lugar. Individualmente ou em grupo. Afinal, com dicas fabulosas, ideias originais e técnicas fantásticas, todos podem fazer pulseiras, colares, brincos e outros acessórios coloridos e cheios de estilo, em poucos minutos. As possibilidades são infindáveis. 

Mas, apesar de toda a publicidade e do boom que se sentiu há um tempo atrás, duvido que tenha a saída que se espera. A ver vamos...

 

Sonhos de menina

 

Chega a minha filha das férias com o pai, em completa euforia, a querer participar no passatempo "O teu sonho, a tua música" do Disney Channel, em que oferecem produtos relacionados com a série Violetta e um bilhete para o concerto.

Ela foi ao site, imprimiu as letras, viu como é que tinha que fazer, andou a ensaiar e a fazer planos, enquanto eu ia apanhando um bocadinho aqui e ali, sem saber ao certo no que ela se queria meter.

Depois de uma leitura mais atenta ao regulamento, achei melhor não seguir adiante. Enviar um vídeo da minha filha que não me será devolvido e que não sei que uso lhe será dado (eles dizem que são destruídos os que não forem seleccionados mas nunca fiando), autorizações para não sei quantas coisas, trabalho e papelada para preencher, e os prémios para os semi finalistas são coisas que ela já tem. E diz-me a minha filha "oh mãe, eu já tenho, mas posso dar à minha prima". Já o prémio final, o bilhete para um dos concertos com viagem e estadia paga, também não me inspira. Para já, porque eu não teria disponibilidade financeira nem tempo para a acompanhar, e porque acho que ela ainda é nova para andar a viajar para ver concertos. Se fosse em Lisboa, ainda se fazia um esforço, mas assim, não vale a pena.

Só que a minha filha ficou, realmente, triste. Porque adora a Violetta, adora cantar e dançar, acha que tem talento e queria ser uma das escolhidas, nem que fosse para o seu vídeo ser exibido na televisão.

 

 

No dia seguinte, e com um não quase certo para o primeiro passatempo, liga-me toda animada a dizer que quer participar no The Voice Kids!

O que é que eu faço à minha vida?!

 

Espero que não se lembrem de mais nenhum passatempo ou concurso para crianças porque já percebi que ela vai querer ir a todos!

  • Blogs Portugal

  • BP