Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Houvesse mais mulheres assim...

Indiana arrastou atacante pelos cabelos até à polícia

...e talvez a história de muitas mulheres na Índia fosse um pouco diferente. Ou não.

É certo que, no meio do azar, Pradnya Mandhare teve alguma sorte por o seu atacante se encontrar sozinho, e em estado de embriaguez, o que tornou a tarefa de o dominar mais fácil.

Mas, ainda assim, foi preciso coragem para agir, quando as pessoas à sua volta, que assistiam ao ataque, nada fizeram, e arrastar o seu atacante até à polícia sabendo que, na maioria das vezes, esta não só não coopera como ainda dificulta a vida a quem quer denunciar os ataques.

A estudante estava numa estação de comboios, a regressar a casa depois de um dia de aulas, quando tudo aconteceu. 

Libster award discover new blogs

 

liebster.jpeg

 

Esta TAG consiste em 6 passos:
  1. Escrever 11 factos sobre ti próprio.
  2. Responder às perguntas que te colocaram.
  3. Nomear 11 blogs com menos de 200 seguidores.
  4. Fazer 11 perguntas a esses blogs nomeados.
  5. Colocar a foto da Tag Liebster Award no post.
  6. Enviar o link do post a quem te nomeou.

 

11 Factos sobre mim:

 

1- Sou saloia :) Com muito gosto!

 

2 - Sou teimosa

 

3 -  Sou medricas

 

4 - Sou despistada

 

5 - Sou organizada

 

6 - Sou refilona

 

7 - Sou amiga

 

8 -  Sou divertida

 

9 - Sou ruiva (falsificada)

 

10 - Sou mãe

 

11 - Sou impaciente

 

As 11 perguntas que me foram colocadas são:

 

1. Se tivesses um poder de um super-herói da Marvel qual seria?

O poder que eu mais gostava de ter era o de voar!

 

2.  Qual o momento mais feliz da tua vida ?

Foram tantos que é difícil especificar um. Talvez aquele em que me tornei mãe. 

 

3. O que gostas menos de fazer em casa (a nivel de limpezas)?

Tudo! Detesto fazer limpezas!  

 

4.  Gastronomia preferida (a nivel de país e sem ser a portuguesa)?

A minha gastronomia preferida é mesmo a portuguesa! E feita em casa! 

 

5. Não há pergunta número 5?!

 

 

6. Se não fosses portuguesa de que nacionalidade gostarias de ser?

Gosto de ser portuguesa, com todos os prós e contras!

 

7. Série preferida?

CSI, Investigação Criminal, Perdidos e tantas outras do mesmo género

 

8.  Impossível esquecer o quê, ou quem?

Que não sou rica e que, por isso, tenho que levantar cedo e ir trabalhar todos os dias :) 

 

9. Achas que passas demasiado tempo na internet?

Sim! 

 

10. Um cheiro de infância?

 Arroz de marisco que comia depois de uma manhã passada na praia

 

11. Já estás farta de responder as estes desafios para eu não te voltar a nomear ?

 Nem por isso, gosto de desafios!

 

As minhas 11 perguntas, são: mantenho as mesmas que me foram feitas! (pura preguiça!)

 

Quem nomeio:

http://numadeletra.com

http://umdiafacoumblog.blogs.sapo.pt

http://desabafarsobreavida.blogs.sapo.pt

 

 

 

Os pecados no atendimento ao público

Resultado de imagem para atendimento

 

Já não são só 7!

Sim, há funcionários que estão no atendimento ao público mas que não sabem, minimamente, lidar com as pessoas.

Estamos fartos de ver pessoas à espera para serem atendidas, enquanto os funcionários conversam sobre as notícias do dia, a vizinha, o cão e a cliente que acabou de sair.

Estamos cansados de ver funcionários "pedirem licença a um pé para mexer o outro", ignorarem os clientes que estão à espera e fingir que estão ocupados com outros assuntos.

Já todos nós fomos atendidos por pessoas que não conhecem a simpatia, que atendem de mau humor, que levam problemas pessoais para o trabalho, que são rudes, com cara de que "todos lhes devem e ninguém lhes paga".

Já aconteceu, provavelmente, a muitos de nós, vir do mesmo serviço com informações diferentes e contraditórias. Ou, simplesmente, sem informação, porque nem sempre quem está no atendimento sabe informar sobre o que queremos saber.

Há clientes chatos, é verdade. Mas há funcionários que não mostram um mínimo de paciência com pessoas mais idosas, que têm mais dificuldade em perceber. Ou com pessoas que, ao contrário delas, não estão por dentro dos assuntos e têm que ser melhor esclarecidas.

Mas agora, o ordem do dia é, descaradamente, para "despachar"! Despachar o trabalho e as pessoas, de volta para casa, para o trabalho ou para outros serviços.

Um contribuinte estava num serviço, com uma notificação, à qual lhe foi dito que tinha que responder. Como? Por email. Atendido. Próxima senha. Mas este senhor não se conformou e, depois de muito insistir, lá a funcionária lhe entregou o requerimento para ele preencher e entregar ali na hora.

Outro contribuinte foi recambiado de um Serviço de Finanças para outro, com a desculpa de que o assunto não podia ser lá tratado. Mais um despachado! No entanto, o assunto podia ser tratado em qualquer Serviço de Finanças.

Há os mais directos e persuasores: "ah e tal, não quer ir antes a "x" serviço?"

E há os que complicam e que, mal pegam em alguma coisa, dizem logo que não podem fazer. Um cliente levou uns documentos para apresentar. A funcionária disse que faltavam elementos e não podia receber. Cliente despachado. O mesmo cliente vai ao mesmo serviço noutra altura, e é atendido pelo chefe dessa funcionária, que analisa os mesmos documentos e recebe, sem qualquer obstáculo.

Se há coisa que me irrita é esta gente querer "ser mais papista que o Papa"! Se o chefe que é chefe, não levantou problemas, porque teve a funcionária que levantar? E fazer o cliente perder tempo duas vezes?

Será que a lista de pecados ainda irá aumentar mais? 

 

  • Blogs Portugal

  • BP