Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Southpaw - Coração de Aço

Resultado de imagem para southpaw

É um daqueles filmes que se vê bem num daqueles dias em que não temos mais nada para fazer e que, apesar de nos apetecer ver um filme, não temos nenhum em mente.

Não sendo nada de extraordinário, ainda assim serviu para uma espécie de debate com o meu marido sobre o amor de um pai pela sua filha, e a melhor ou pior forma de o mostrar.

Billy Hope é um pugilista de sucesso, que colecciona títulos e prémios, e vive uma vida que muitos desejariam, com a sua companheira de sempre, Maureen.

 

 

Resultado de imagem para southpaw

Tanto ele como ela vieram de instituições de crianças em risco, mas conseguiram encontrar um rumo, e formar uma família, juntamente com a filha de ambos, Leila.

Maureen é o seu apoio, a sua consciência, o seu porto de abrigo, e também quem gere a sua carreira.

 

 

Resultado de imagem para southpaw

Apesar de saber que a vida que levam depende das vitórias de Billy e que, para as haver, ele tem que competir, Maureen percebe que os combates são cada vez mais violentos, que Billy está a ir longe demais, e que, da próxima vez, as coisas podem correr mal. E poderá não haver próxima vez.

Ele acede ao pedido dela, de uma pausa. Tudo parece estar bem, até que um outro pugilista começa a provocar Billy à saída de um jantar de beneficência.

 

E aqui vem a primeira questão para debate: ceder a provocações ou ignorar?

 

Por norma, tenho tendência a ignorar. O meu pai sempre me ensinou que não vale a pena perder tempo com essas pessoas. Que ceder ou retaliar é dar-lhes esse prazer, de perceber que nos afectaram, que caímos. A melhor arma é ignorar, resumi-los à importância que têm.

Claro que isto é difícil de pôr em prática por pessoas de "pelo na venta", que não pensam antes de agir, e que acham que as coisas se resolvem à pancada.

Foi o que fez Billy, ignorando os pedidos da mulher para irem embora, e para não ligar ao que o outro dizia. E pagou caro por isso. Maureen acabou por morrer após uma troca de tiros.

 

 

Resultado de imagem para southpaw

Depois disto, Billy começa a fazer tudo ao contrário do que deveria, e depois de atingir um árbitro com uma cabeçada, é suspenso, perde tudo o que tinha e tenta o suicídio, acabando por perder a guarda da filha.

 

Segunda questão para debate: retirar a filha a este homem foi a decisão mais acertada?

Por muito que custe a ambos, sim! Que futuro teria uma criança sozinha, cuja única família é um pai agressivo, que vive em permanente confusão, que se embebeda para esquecer os problemas, sem trabalho, sem um lar, sem condições para educar a filha? Que futuro teria uma criança que, a qualquer momento, se poderia deparar com o pai morto?

 

 

Resultado de imagem para southpaw

Não será fácil para nenhum deles aceitar a nova vida. Mas só Billy poderá reverter a situação, e recuperar o amor e a guarda de Leila.

 

 

Resultado de imagem para southpaw

Para isso, ele terá que perceber que, por vezes, a melhor forma de ataque, é a defesa, e que a força nem sempre vem unicamente dos músculos, e que a chave do sucesso pode estar no nosso pensamento!

Fim-de-semana festivo

Resultado de imagem para festa bombeiros voluntários de mafra

 

O passado fim-de-semana foi de festa mesmo aqui ao pé de casa, uma festa que visou ajudar financeiramente os bombeiros voluntários, nomeadamente, angariando fundos para a compra de uma nova ambulância.

Foram 3 dias de festa mas, embora aqui ao lado, o cansaço e o facto de ter que acordar cedo no dia seguinte falou mais alto, e acabámos por ir espreitar apenas no sábado à noite.

Nesse dia actuaram os 4Revival, uma banda de covers que tem como repertório principal músicas dos anos 80!

Grande voz a da Rute, e que bom que foi ouvir estas músicas.

Valeu-nos o facto de o som chegar até à nossa casa, e termos adormecido a ouvir as bandas que tocaram em cada um dos dias, o que nem sempre foi bom. Mas não havia nada a fazer! 

E ontem, quando íamos dar uma volta a seguir ao almoço, mesmo sem saber, ainda assistimos ao cortejo dos bombeiros - carros enfeitados e carregados de donativos para o leilão que se seguia, e várias ambulâncias e carros de bombeiros a desfilar pelas ruas!

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP