Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

A rede fora das redes

Cada vez mais se ouve falar das redes sociais, dos seus perigos, da falta de privacidade que caracteriza o mundo da internet.

Hoje em dia, registamo-nos numa determinada rede social, e os nossos dados ficam disponíveis para meio mundo. Criamos blogs e páginas, ligadas a outras páginas, e o acesso é imediato.

Mas será assim tão grande a diferença entre publicar um texto num blog, ou uma conversa banal entre conhecidos?

Não!

Porque existe um mundo paralelo ao cibernáutico, uma rede fora das redes, em que o poder das palavras se agiganta como uma bola de neve.

Acende-se o rastilho, e é vê-lo queimar até não poder mais!

Hoje, uma pessoa conversa com alguém, esse alguém comenta com outro alguém, e assim sucessivamente até que, quando vemos bem, algo que iniciou no Polo Norte, já se ouve no Polo Sul!

A única diferença é que, nesta rede, o tráfego é mais lento!

Que música era?

Existem tantas e tão inesperadas formas de se descobrirem músicas novas...

Uma delas é, sem dúvida, a rádio! É através dela que me mantenho a par das novidades musicais!

Mas também já me chegou a acontecer ouvir uma determinada música numa telenovela, num filme ou numa série de televisão. Claro que, depois, recorro à Internet para tentar descobrir o nome e o autor da música!

Lembro-me, por exemplo, do êxito "My Heart Will Go On", da Celine Dion, que ouvi a primeira vez no Top +. Foi a partir da música que me deu vontade de ver o filme.

Também me recordo de estar num hotel, em Silves, e estar a passar na Tv "Alejandro". Não descansei enquanto não descobri quem cantava!

Se me agradarem mesmo, compro os CD's! Foi o que aconteceu com o do Shayne Ward, que tive que encomendar na Art Music e esperar quase três meses que viesse de Londres, porque cá não havia!

Mas valeu a pena!

 

  • Blogs Portugal

  • BP