Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Os bombons de chocolate da Inês

 

 

 

TPC's das Inês para as férias de Carnaval - experiências para comprovar os diferentes estados de diversos materiais.

Uma delas (para mim, a melhor de todas) era sobre a fusão e solidificação: fazer bombons de chocolate!

Primeiro passamos do estado sólido para o líquido, que é como quem diz, derretemos uma tablete de chocolate, à escolha, em banho maria. Eu como sou mais prática e apressada derreti mesmo no microondas.

Em seguida, deitamos o chocolate derretido nas formas e colocamos uma amêndoa ou outro fruto seco a gosto. Neste caso, optámos por estas bolinhas de chocolate branco e preto.

E levamos ao frigorífico para se dar o processo inverso - a solidificação.

O resultado foram estes deliciosos bombons!

 

Nesquik

Do que as crianças se lembram!

A minha filha queria comer pão com chocolate, e achou que a solução era despejar Nesquik numa fatia de pão de forma e comer!

Claro que depois engasgou-se com o pó. Quando cheguei ao pé dela, tinha a cara tipo palhaço achocolatado, estava aflita da garganta e, como entretanto andou a mexer na água, já o pó se tinha transformado em pasta para barrar a bancada, o chão e o meu casaco branco acabadinho de lavar!

Doce Pausa

 

A minha sugestão de hoje é doce e com sabor a chocolate!

Abriu há pouco tempo, aqui em Mafra, a "Doce Pausa - Chocolataria e Gourmet". A curiosidade levou-me lá, até porque todos os dias passo à sua porta!

Não é uma mera loja onde podemos adquirir bombons e chocolates. É mais que isso. Têm várias especialidades, de diversas regiões, e novidades fresquinhas. Mas, apesar do excelente aspecto das doçarias, que fazem crescer água na boca, não é sobre elas que pretendo falar.

O meu destaque vai para o espaço que, não sendo muito grande, prima por ser tão acolhedor e intimista, para a decoração exemplar, e para a enorme simpatia dos proprietários. Realço ainda a iniciativa dos workshops, e dos contos para as crianças, que proporcionam momentos de pura gulodice, entretenimento e cultura.

Para quem aprecie fazer uma pausa na correria e no stress do dia-a-dia, e fugir às típicas e atulhadas pastelarias a que estamos habituados, é uma óptima sugestão.

E fica mesmo ao lado da Biblioteca Municipal! Haverá melhor combinação que um ambiente calmo, um bom livro e um chocolate?!