Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Oh Belinha, lá se foi a tua estrela!

Imagem DAQUI

 

Oh Belinha, lá se foi a tua estrela! E agora?

Logo tu, que até agora estiveste sempre entre os mais votados, algumas vezes com pontuação máxima. Tu, que tinhas aí uma madrinha tão bondosa. Que tinhas os jurados e os portugueses rendidos aos teus pés.

O que é que correu mal? Terá sido a coreografia desta semana? Uma adversária à altura? Ou terá sido humildade a menos, e o facto de já estares a pensar que a vitória estava garantida?

De qualquer forma, não fiques tão aborrecida. Na próxima semana tens uma nova hipótese de regressar à competição, e fazeres de tua justiça!

Agora a sério, a Isabel Silva dança bem mas, talvez pela sua própria maneira de ser (mostra ser muito simples mas não parece verdadeiro), pelos elogios que foi recebendo, pelo facto de ser uma das caras da estação e de ser grande amiga da apresentadora, ou por pensar que caiu nas boas graças do povo português, parecia-me convencida de que iria vencer o programa. A expulsão de ontem deve ter sido um grande balde de água fria.

Acho que lhe fez bem. Gostei! Não simpatizo com ela. Já não gostava quando a via apresentar outros programas. É certo que ela tem feito boas prestações, e há lá concorrentes como o António Raminhos, que nem sequer dançam, e que já deveriam ter saído há muito tempo.

Mas o que é certo é que continuam a escolhê-lo. E o duelo de ontem foi com a recém chegada Sara Prata que, ao que parece, mostrou-se à altura.

Vamos ver como correm as coisas na próxima semana. Se o povo se redime e a leva de volta à competição, ou se fica por aqui.

 

 

O "Cerne" da questão

 
Quem assistiu no passado domingo à 4ª Gala do Ídolos teve a oportunidade de ver um dos vencedores do programa a cantar, agora como profissional. Falo do Filipe Pinto!
Desde os tempos em que ele era um mero concorrente, sempre gostei da humildade e simplicidade que demonstrava além, claro, da bela voz e da forma singular como interpretava cada música.
Passados mais de 2 anos, percebe-se que soube aproveitar a oportunidade, mas com os pés assentes na terra.
Não teve sede de fama, nem de sucesso instantâneo. Não quis gravar um CD a jacto, com êxitos temporários e música da moda para vender.
Foi compondo as suas próprias músicas, ao seu ritmo, e preparando um trabalho à sua medida.
Pode não ser aquilo que muitas pessoas gostariam de ouvir, mas foi o caminho que ele escolheu, com que se identifica, e que mostra a pessoa que é. 
Agora que já nos presenteou com algumas músicas do seu Cerne, aguardamos então o lançamento oficial do CD, com o menu completo.

 

  • Blogs Portugal

  • BP