Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

O Segredo do Diamante chega à Malaposta!

14429357_1084617074950053_975392397_n.jpg

 

Há muito que o Mordomo, a D. Olga ou até o Valdo andavam a tentar perceber o mistério por detrás de uns bilhetes dourados que iam encontrando de forma inesperada. 

Parece que a Detective conseguiu, finalmente, desvendar o mistério que eles escondiam, revelando hoje, em primeira mão, o tão guardado (e aguardado) segredo!

 

 

 

14446520_1084592278285866_976591491_o.png

 

O grupo de teatro VanBach vai estar em cena, com a peça O Segredo do Diamante, no Centro Cultural 

Malaposta, de 23 de Setembro a 15 de Outubro, e estão todos convidados a ir até lá descobrir um outro segredo - o do diamante!

 

Numa altura em que as festas de verão e os principais festivais já terminaram, em que a maioria de nós regressou das férias e o início de mais um ano lectivo arrancou, é provável que andemos com a neura, e sem programas interessantes em vista.

 

Assim, porque não aproveitar o fim-de-semana para ir até ao teatro e dar umas boas gargalhadas. A estreia é já amanhã, por isso comecem já a reservar os vossos bilhetes!

 

 

14393775_1084591964952564_1908029691_o.jpg

E depois, todas as sextas e sábados, às 21h45, no Café Teatro, o grupo VanBach irá estar à vossa espera, com o melhor que tem para vos oferecer, ao longo de 60 minutos bem divertidos, como já vos tinha contado aqui, aquando da sua estreia em Mafra.

 

Com encenação de Fernando Terra, e contando no elenco com Beto Fonseca, Cesaltina Pinto, Edgar Silva, Joana Azeiteiro, Silvina Anjos e Sónia Cerveira, esta peça é uma comédia feita por gente do oeste, gente que ama esta arte por vezes esquecida que é o teatro, gente simpática que tem sempre um pouco do seu tempo para dedicar ao público que os brindou com a sua presença e será, sem dúvida, uma óptima receita para um serão bem passado!

 

 

 

 

 

 

O Bolo de Laranja da Inês...

IMG_1129.JPG

 

...com a receita da avó!

 

IMG_1131.JPG

 

Vai uma fatia?!

 

Ingredientes:

250g de farinha

250g de açúcar

4 ovos

2 laranjas

fermento q.b. 

 

Preparação:

Juntar as 4 gemas com o açúcar e mexer. Juntar a raspa das 2 laranjas.

À parte, espremer as 2 laranjas e ir adicionando o sumo, alternando com a farinha, ao preparado anterior.

Por fim, adicionar o fermento e as claras batidas em castelo, deitar na forma (previamente untada com margarina e farinha), e levar ao forno, até alourar.

Laços que Perduram

 

Sinopse

"Com apenas vinte e cinco anos, Julie Barenson tem já uma mágoa maior do que a vida: o seu querido marido, Jim, morreu. Em plena noite de Natal, dilacerada pela perda, ela recebe os dois inesperados presentes que ele lhe deixou. É o típico ato de amor de Jim: não a esquecer nem por um segundo. É assim que Singer, um cachorrinho amoroso e assustado, entra na sua vida. A acompanhá-lo vem um bilhete e uma promessa: Jim velará sempre por ela. Quatro anos depois, Julie está preparada para começar de novo e Richard Franklin parece ser o homem ideal. Mas no seu íntimo, ela sente que algo está errado e termina a relação. A seu lado, incondicionalmente, está Mike Harris, o bondoso melhor amigo de Jim, o homem que a apoiou nos melhores e nos piores momentos. Ao longo dos anos, os sentimentos entre ambos floresceram e parece ter finalmente chegado o momento de viverem plenamente a sua paixão. Mas quando a vida parecia sorrir-lhe de novo, Julie tem de enfrentar o pior dos pesadelos - sobreviver à perseguição de um louco. Nesta comovente história de amor, perda e redenção, Nicholas Sparks ultrapassa os limites do romance ao pintar um quadro implacável dos sombrios desígnios da mente humana. Laços que Perduram é a derradeira prova da sua mestria."

 

Em primeiro lugar, e como já disse muitas vezes, não sou grande admiradora de cães (ao contrário dos gatos, que são a minha paixão). Ainda assim, este foi um dos livros do Nicholas Sparks que mais gostei de ler e que mais me comoveu, revoltou e entristeceu. Porquê? Por causa, precisamente, de um cão! Não um cão qualquer, mas um verdadeiro guardião que lutou até ao fim, e morreu para salvar a dona!

Além disso, foi um livro que aliou romance a suspense, com direito a perseguições doentias e esquemas premeditados, crime e usurpação de identidade, todos os ingredientes para uma receita de sucesso! 

  • Blogs Portugal

  • BP