Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

"Com licença, obrigado e desculpa"

 

As palavras mágicas

 

Na sua mensagem para os casais, no Dia dos Namorados, o Papa Francisco, afirmou que viver juntos é um caminho de cada dia, com regras que se podem resumir a estas três palavras.

O pior é quando essas começam a ser as principais ou, até mesmo, as únicas palavras presentes na comunicação entre o casal. Quando estamos a ser politicamente educados e correctos, para não dizer o que realmente queremos, ou por não ter mais nada que dizer.

E eu confesso que cada vez me irritam mais estas três palavrinhas!

 

O segredo do amor

 

Não há famílias perfeitas, nem o marido ou a mulher perfeita. É comum haver conflitos, zangas e divergências, mas o importante é a reconciliação. Por isso mesmo, é fundamental não arrastar nada para o dia seguinte. Não devemos acabar o dia sem fazer as pazes. É esse o segredo para conservar o amor!

Mas, por vezes, pelo menos para mim, é difícil resolver as coisas naquele dia, quando ainda estou tão chateada, e quando sei que, no dia seguinte, já estarei mais calma e mais disposta a pôr tudo para trás das costas.

 

A solidez das relações

 

"A vida familiar deve ser construída, não sobre a areia dos sentimentos que vai e volta, mas sobre a rocha do amor verdadeiro..." 

Mas, se é verdade que a maior parte das areias tem estado a desaparecer a um ritmo assustador, também é verdade que, ultimamente, até as rochas que julgávamos mais sólidas se têm vindo a quebrar. 

  • Blogs Portugal

  • BP

  • 1 comentário

    Comentar post