Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Não Digas Nada...

Foto: Qual o segredo que esconde esta história? Não posso dizer! Leiam e descubram porque é surpreendente! Grande livro, e mais não digo...

 

Não digas nada conta a história de uma família tradicional, mas que deixa muito a desejar:

Eve é a mãe ausente e a mulher submissa, conformada com um casamento por conveniência.

James é o pai exigente, marido autoritário e juiz com uma reputação a preservar.

Grace é a filha prodígio, da qual os pais se orgulham.

Mia é a ovelha negra da família, com quem raramente os pais têm contacto.

No início, temos o desaparecimento da Mia, que logo em seguida percebemos que se trata de um rapto. Pela sinopse, podemos pensar que estamos perante um psicopata ou serial killer que estudou bem a sua vítima e se prepara para atacar, torturar e sabe-se lá mais o quê.

Entretanto, mais à frente, sabemos que a Mia foi resgatada com vida, mas sofre de amnésia selectiva e tem comportamentos estranhos, associados a stress pós traumático.

O que a autora nos vai mostrar ao longo de toda a história, alternando entre o antes e o depois, é como tudo começou e como tudo terminou, e qual o grande segredo que está por trás de tudo.

Um segredo que Mia nunca poderá revelar. Será que conseguiremos descobri-lo? Só lendo o livro ficaremos a saber! E mais não digo!

  • Blogs Portugal

  • BP

  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog tem comentários moderados.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.