Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

O que é que fiz na vida partindo da premissa "porque eu posso"?

Resultado de imagem para eu posso

 

"Olhando para a pergunta, vêm-me à mente uma infinidade de coisas que fiz, ao longo da minha vida, e que serviriam de resposta a esta questão.

E isso leva-me a pensar como sou felizarda, por poder fazer aquilo que quero, que penso, que acredito, que tenho vontade, sem imposições ou entraves, sem receios ou limitações de liberdade.

Sou sortuda porque, a cada ano que passa, me consigo afirmar mais, tomar decisões sem medos.

Sou privilegiada porque posso escolher. Porque, ainda que não dê uso a esse poder, de poder fazer o que me apetece, já é um privilégio tê-lo.

Foi graças a esse privilégio que, por exemplo, criei o meu blog. O meu canal, para a escrita que não cabia mais nas gavetas, e precisava de outro espaço maior.

E, com o blog, vieram outros tantos desafios e experiências. Que aceitei, que agarrei, aos quais me dediquei com gosto. Vieram amizades, veio a solidariedade, veio a cumplicidade.

No fundo, num blog ou no mundo real, a vida é feita de acções, de atitudes, de gestos, de decisões, de riscos.

E eu estou cá para eles, sejam quais forem, e a que caminho levarem.

Porque eu posso, e quero, pôr-me à prova.

Porque eu posso, e quero, ser dona de mim própria e fazer aquilo que a minha consciência e vontade ditarem, sem estar condicionada por terceiros. Sem dar ouvidos ao que os outros pensam.

Porque eu posso, e quero, trilhar o meu próprio caminho!"

 

Texto escrito para o passatempo da Fátima!

Passem por lá e espreitem as restantes partipações.

 

 

 

 

10 comentários

Comentar post