Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Perdoa-me: o livro surpresa de 2014!

 

Este livro foi, para mim, até ao momento, a grande surpresa de 2014!

Fui positivamente surpreendida porque, apesar de a sinopse me ter interessado e levado a comprar, nunca esperei encontrar uma história como esta.

É um livro completo, com tudo aquilo que gosto e me cativa na leitura: crime, suspense, mistério, romance, relações, investigação, viagens a locais fantásticos, muita luta, coragem, medo...

Com quase 500 páginas, poderia tornar-se um livro cansativo. Mas não o é.

Há sempre alguma coisa que acontece quando menos esperamos. E mesmo quando achamos que já não há mais nada para descobrir ou acontecer, lá surge mais uma surpresa. É assim até ao final!

Recomendo a todos os que gostam deste género de livro que o leiam, porque não se vão arrepender!

Perdoem-me todos os outros livros que já li este ano, mas este corre sérios riscos de se tornar o meu favorito!

 

Sinopse
"O instante em que encontrou a mãe sem vida nunca se extinguirá da memória de Eva Patterson. Num bilhete, as suas últimas e enigmáticas palavras: Perdoa-me.
O mundo seguro de Eva ruiu naquele momento devastador. Mas o inesperado suicídio de Flora vai marcar apenas o início de uma sucessão de acontecimentos surpreendentes. No seu testamento, Flora deixa a Eva um estúdio em Londres. Este sítio é a primeira pista para o passado secreto de uma mulher que, Eva percebe agora, lhe é totalmente desconhecida.
No sótão do estúdio, a jovem encontra os diários e os quadros da mãe, provas de uma fulgurante carreira artística mantida em segredo. O que levou Flora a esconder tão fundo o seu passado? Ao aproximar-se da verdade, Eva descobre um crime tão chocante que a leva a questionar-se se alguma vez conseguirá, de facto, perdoar."

 

O que correu mal a Portugal?

 

 

Há dias em que mais vale não sair de casa, e hoje foi um deles para Portugal.

É a primeira vez que a Seleção Nacional sofre quatro golos na fase final do Mundial. O que correu mal?

 

Foi culpa do adversário - Alemanha?

Do guarda-redes português?

Do árbitro?

Do bruxo do Gana e suas maldições?

Das altas temperaturas no Brasil?

Foi puro azar?

Nervos e exaltação dos jogadores?

Ou má prestação da equipa portuguesa?

 

 

Algo aconteceu, mas não vale a pena chorar sobre o leite derramado. É preciso recuperar a equipa (ou o que restou dela) para o próximo jogo com os EUA. A goleada poderá deixar marcas, mas também poderá servir de motivação para os jogos que aí vêm.

 

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP