Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Sugestões para o fim-de-semana

 

(clicar na imagem)

 

Este fim-de-semana promete ser mais doce, com o Mercado do Chocolate 17', em Cascais!

Já para o cinema ao ar livre, o S. Pedro ameaça estragar os planos, mas podem sempre optar por um concerto com um dos grandes talentos da nova geração de artistas, ou dar um saltinho até ao Fantasporto.

Não faltam também sugestões dedicadas ao Dia da Mulher, que se irá celebrar a 8 de Março.

É só escolherem! 

Sexta-feira de cinema ao ar livre

Resultado de imagem para asterix e obelix o domínio dos deuses

 

Na passada sexta-feira fomos à sessão de cinema ao ar livre que a Junta de Freguesia nos proporcionou gratuitamente, no Jardim do Cerco.

O ano passado tínhamos ido um bocadinho mais cedo, e conseguimos encontrar lugares disponíveis. Desta vez, estavam as cadeiras todas ocupadas. Experimentámos sentar num espaço de relva, mas com as pessoas todas à frente, não conseguíamos ver.

Demos a volta para o lado oposto, e conseguimos um lugar na relva ainda não ocupado, e de onde se via o ecrã na perfeição.

As cadeiras da primeira fila estavam vazias, mas reservadas. Pensei que fosse para o pessoal da Câmara ou Junta de Freguesia, mas não me parece que tenham sido ocupadas por alguém daí, porque quem lá vimos depois foram crianças e adultos como nós. Nada de idosos, de portadores de deficiência, ou entidades.

Assim sendo, começámos a ver a primeira parte do filme, meio sentados, meio deitados na relva! O meu marido, às tantas, levantou-se porque já não tinha posição para estar.

Fizeram intervalo - 10 minutos. Também nos levantámos um pouco mas em pé estava mais frio, por isso voltei a sentar-me.

Uns amigos com quem nos encontrámos por lá, e que estavam atrás de nós, durante esse tempo, acabaram por descobrir umas cadeiras, e trouxeram para eles e para nós. Ou seja, do outro lado do jardim, encostadas ao muro, estavam várias cadeiras arrumadas, penso que para um evento que iria ocorrer no dia seguinte. 

Souberam-nos dizer que não podíamos levar as cadeiras reservadas, mas não souberam dizer para ir buscar aquelas.

No final do filme, a maioria que as tinha ido buscar, voltou a colocá-las no lugar, o que é de louvar.

E assim vimos a segunda parte já instalados nas nossa cadeiras!

Foi o primeiro filme do Asterix e Obelix que vi em toda a minha vida. Não dava nada por ele, ia mesmo só pela experiência, mas até gostei de ver!

 

  • Blogs Portugal

  • BP