Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Balanço de um fim de semana prolongado

E lá se foi um fim de semana prolongado, em que pouco se fez, e ainda menos se aproveitou.

Por entre compras de material escolar, arrumações e uma celebração do aniversário do meu pai diferente do habitual, com o meu sobrinho a recuperar de uma cirurgia, com o tempo a não ajudar à praia nem a grandes passeios, lá houve tempo para ver um filme, e para uma saída imprevista, que deu para desanuviar.

 

 

IMG_7863.JPG

Na quinta-feira, comprámos o material escolar para o novo ano lectivo, como sempre, sujeito à aprovação da D. Becas.

O resto do tempo foi aproveitado para descansar e estar com as bichanas.

 

Sexta-feira, dia de férias com o qual não estava a contar, fomos comprar as coisas que faltavam e, à tarde, tirar tudo o que era do ano passado, para colocar a jeito o que vai ser para este ano.

O mais difícil é tentar arranjar mais espaço de um lado, sem ocupar do outro, trocando o sítio das coisas, mas mantendo-as todas na mesma!

 

68905989_1164195410458055_123241324894748672_n.jpg

Foi por entre arrumações, ao tocar sem querer na placa alisadora da minha filha, que ganhei de presente esta queimadura!

 

 

Resultado de imagem para juntos para sempre 2

No sábado, vimos o filme "Juntos Para Sempre 2", a continuação da história do cão Bailey, que agora terá como missão tomar conta da pequena CJ, privada de estar com os avós, por uma mãe que pouco ou nada quer saber da filha.

Até ao dia em que o destino o juntar definitivamente ao seu companheiro Ethan.

E, depois de uma cena ao género "E Se Fosse Consigo", demos um saltinho à Ericeira, onde esperámos em vão, por um fogo de artifício que chegou tarde, e acabámos por não ver.

Para finalizar, um domingo entre televisão e lides domésticas, com a promessa de uma semana de férias não muito melhor.

 

Nunca demorei tanto tempo...

 

...para fazer a limpeza da casa!

E não estou a falar daquelas limpezas grandes, nem nada que se pareça. Refiro-me mesmo às limpezas semanais mais básicas.

 

Com tantas outras coisas para fazer e, ao mesmo tempo, tentar pôr o sono em dia, a limpeza começou a ser feita no fim-de-semana passado.

Como na 5ª feira era feriado, deixei para esse dia o resto. Mas acabei por só conseguir limpar uma das divisões.

Não há crise, fica para o fim-de-semana, pensei eu. 

 

E que bem que o começámos!

Chego a casa, e deparo-me com as prateleiras da estante da sala (novamente) caídas, e tudo o que lá tinha em cima na iminência de vir parar ao chão. O resto da noite foi passado numa tentativa infrutífera de as voltar a colocar no sítio, e numa arrumação de improviso, para não perder a cabeça, deitar fora a estante, e comprar uma nova, que era o que apatecia fazer, se houvesse dinheiro.

 

Vou esvaziar a mochila da minha filha e vejo a régua partida, o esquadro em pedaços, a caixa do compasso rachada, e muito material a precisar de reforma. 

Programa para sábado: ir à papelaria comprar material novo, ir à farmácia buscar qualquer coisa para a constipação e ir às compras. A limpeza, foi mesmo só à sala, até porque as gatas se lembraram de ir para o meu colo num momento em que me sentei.

 

E assim chegamos a domingo, com uma divisão ainda por limpar, que foi adiada para a tarde, porque a manhã foi para fazer o almoço e pouco mais.

Quando finalmente vou arrumar o quarto da minha filha, percebo que há alguma roupa que já não lhe serve e precisa de calças novas. Também precisávamos de caixas para arrumação. 

Resolvo ir com ela ao chinês que fica aqui perto de casa. As caixas eram caríssimas e ficaram por lá mesmo! E calças, só havia um par que ela gostou. Fomos um pouco mais acima, a outra loja, onde conseguiu arranjar outro par, em 6 ou 7 que experimentou, que lhe ficava bem.

 

A esta altura, com a constipação a fazer-se sentir e a dor de cabeça a aumentar, já pouca disposição tinha, tal como apetite.

Mas lá consegui limpar o quarto dela, lavar o camião de loiça, fazer a minha cama de lavado, tratar das gatas, e comer uns morangos, antes de ir para a cama.

Deitei-me ainda antes das 22 horas, depois de uma limpeza que me demorou uma semana a fazer!

 

 

Não sou perita, mas desenrasco-me

 

Não gosto de me pôr a fazer aquilo que não sei. Há quem tenha jeito para umas coisas. Há quem tenha para outras.

E alisar paredes, e pintar não são tarefas para mim. Eu sou mais de destruir as paredes!

Não tenho culpa que as paredes não prestem. Parece que são ocas. E assim que começo a tirar a parte que se vê, vem o resto da parede atrás!

Foi o que aconteceu no passado fim de semana. Na sala, esteve o meu marido a fazer a massa e o meu irmão a aplicar.

Na entrada, calhou-me a mim. Lá estive eu a aplicar massa na parede acabadinha de arrancar, e a pintar a divisão.

Não sou perita, mas desenrasquei-me! Vamos lá ver quanto tempo dura a minha obra prima. 

Mas espero não ter que me meter nisso outra vez. Prefiro deixar esse trabalho para quem sabe mais que eu, e ocupar-me com as limpezas e arrumações.

  • Blogs Portugal

  • BP