Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Comprar livros com ou sem autógrafo?

Imagem relacionada

 

 

Tenho um livro na minha lista de livros a comprar, que adicionei há pouco tempo, e não teve a sorte de ser um dos felizes contemplados da última encomenda.

Desde então, tenho visto imensas críticas positivas, tenho percebido que anda quase toda a gente a lê-lo, e fiquei ainda com mais vontade de o comprar.

No facebook, coincidência ou não, estou sempre a deparar-me com a publicação do autor, como sugestão de oferta para o Natal sendo que, se a encomenda for através do próprio, o livro vem autografado.

 

 

Até aqui, tudo bem.

Enviei mensagem a perguntar o valor do livro. Ficava em 16 euros, com portes de envio.

Na Wook, o mesmo livro está com desconto, a € 12,40 e portes grátis, mas com expedição de 5 dias.

No fim de semana fui ao Continente, e vi-o. O livro, claro! 

Ao mesmo preço que na Wook, mas ali mesmo na minha mão, pronto a levar.

 

 

E pensei: que se lixe o autógrafo!

Então ia pagar mais de 3 euros, só para ter um livro assinado pelo autor? Sim porque seria apenas uma assinatura. Com sorte, uma pequena mensagem igual a todas as outras que escreve, para quem lhe pede livros autografados.

Não faz sentido. 

A não ser que o livro não exista mesmo à venda, ou que o valor seja igual em ambos os casos, não me compensa. 

Penso que os únicos livros que tenho autografados são de autores que conheço pessoalmente. Ou com quem estive em algum momento, como o da Dorothy Koomson, que calhei encontrar na Feira do Livro e aproveitei a ocasião para ficar com o livro acabado de comprar autografado. E um que estava à venda já com o autógrafo da praxe, com direito a desconto.

 

 

À parte a questão dos autógrafos, chego à conclusão que, para nós, leitores, compensa mais comprar livros na loja do que directamente aos autores enquanto que, para os autores, só mesmo quem se deixe convencer que o autógrafo justifica a diferença do valor, porque se arriscam a não conseguir vender os livros, ao preço que pedem. Alguns por não terem a mesma margem de manobra que as grandes superfícies têm, e outros porque querem simplesmente lucrar mais, a nível particular, do que com a percentagem recebida pelas vendas em loja. 

 

 

E por aí, preferem os livros autografados, ou sem autógrafo? A diferença no valor também é um factor que vos influencia no momento de decidir?

Sobre o lançamento do meu livro

Quem me conhece sabe que eu gosto mais de estar do lado do público, do lado do entrevistador, e não de ter as atenções voltadas para mim. Nunca fui boa a falar em público, nem tão pouco a fazer apresentações!

Posto isto, e felizmente, não fui "atirada aos tubarões", muito pelo contrário, porque a maioria daqueles que compareceram eram pessoas que eu já conhecia, ou queria muito conhecer pessoalmente. E as que não conhecia, eram tão simples, simpáticas e bem dispostas, que me deixaram um bocadinho mais à vontade.

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Quando cheguei, uma das convidadas que já estava à nossa espera era, nada mais, nada menos, que a Sandra Pestana, autora do livro CLEO, cuja entrevista e resenha do livro publiquei aqui no blog. Foi um prazer enorme conhecê-la!

Conheci uma outra Marta, que também está a dar os primeiros passos na escrita, e trocámos algumas ideias :) Uma portuguesa, outra espanhola, mas com dois pontos em comum - a leitura e a escrita!

O Edgar e a Carla, que conhecemos há já alguns meses, através do grupo de teatro Van Bach, de que aqui já falei várias vezes, também não faltaram. Penso que o que temos de bom por aqui é que nos apoiamos muito uns aos outros, nos diferentes projectos de cada um.

Destaco também a escritora Luísa da Silva Diniz, cuja entrevista também publiquei aqui recentemente, e que levou a sua família, com quem temos muito mais em comum do que já tínhamos descoberto!

 

 

 

Foto de Marta E André Ferreira.

Foto de Associação Meleca.

A Rosana, presidente da Associaçao MELECA, da qual faz parte o projecto "Encontros Felizes", para o qual se destinava parte da receita da venda dos livros, começou por me apresentar, e desde já agradeço as suas palavras, deixando-me depois à vontade para falar do livro "Em Busca da Felicidade".

 

 

 

Foto de Marta E André Ferreira.

Preferi começar primeiro pelo "Ainda Existem Finais Felizes?", que deu início a esta aventura da escrita. Houve também tempo para falar do livro do Clube de Gatos do Sapo "Histórias com Gato Dentro", e finalmente, apresentei o último livro "Em Busca da Felicidade".

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

E aqui estavam os meus ajudantes de serviço! A tentar gravar e fotografar o momento :)

Felizmente, tivemos a Nattyelle que fez a reportagem fotográfica completa!

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Foto de Associação Meleca.

Finda a apresentação, e depois de responder a algumas questões dos convidados, chegou a vez dos autógrafos. Mais uma tarefa com a qual não estou minimamente familiarizada!

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Com a Sandra, o Vítor e a minha filha!

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Com a Luísa, e o meu marido!

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Duas Martas! Espero em breve trocar de posições com ela :)

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Com a Carla e o Edgar, que levaram os dois livrinhos para ler!

 

 

 

Foto de Associação Meleca.

Os anfitriões, que tão bem me receberam e cederam o seu espaço para que o lançamento fosse possível - Fernando e Rosana!

 

 

Mas a missão não terminou por aqui!

Queremos ainda angariar mais verbas para que, neste ano de 2017, o projecto "Encontros Felizes" consiga levar um pouco de alegria e conforto àqueles que mais precisam.

 

Por isso, quem não teve oportunidade de estar presente, mas deseja adquirir um exemplar do(s) livro(s), pode contactar directamente com a associação através do email - geral@ameleca.com, ou facebook - https://www.facebook.com/assmeleca/.

 

Podem também contactar-me, e enviarei os livros para quem os desejar. Vamos lá ajudar a esvaziar a caixa?!

 

A "Noite da Inês"

O prometido é devido e ontem a noite foi para a Inês!

Levámo-la à festa na Avessada, com a banda Ouriços e foi uma maratona de dança.

Ela estava entusiasmadíssima para ouvi-los cantar, e dançar.

Quando chegou o momento da participação das meninas na coreografia, ela foi a primeira (e única) a subir ao palco, e por isso mesmo, e por ter imitado bem, foi ela a ganhar a T-shirt da banda que ela tanto queria, e a caneta.

Agora que temos os três, já nos apelidei de Família Ouriça :)

Ela aguentou-se bem toda a noite e, no final, pediu autógrafos a todos!

 

  • Blogs Portugal

  • BP