Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Constatações

Imagem relacionada

 

Existem pessoas que não sabem o que significa férias. 

Pelo menos, as dos outros!

 

Que não gostam de ser incomodadas nas suas próprias férias, mas não se preocupam se estão a incomodar as outras.

Que acham que os seus problemas são mais urgentes que as férias dos outros, e podem ser interrompidas por um bocadinho, sem problema.

Que pensam, até, que determinadas pessoas não podem ter férias, porque têm que estar sempre disponíveis.

 

E, depois, também há aquelas que estão de férias, e não conseguem desligar do trabalho, por opção!

 

Por isso, para esclarecer qualquer dúvida acerca do significado de "férias", aqui fica:

 

 

Significado de Férias

Época de repouso após um ano de trabalho. Dias que se destinam ao descanso dos estudantes. Interrupção das atividades de uma empresa, instituição etc.

[Figurado] Tempo de descanso: a mudança da rotina quotidiana que ajuda a restaurar a disposição das pessoas.

Coisas que me irritam

Resultado de imagem para irritada

 

Colegas de trabalho que adoecem, subitamente, quando as férias estão a acabar, ou as folgas chegam ao fim, sendo que a doença repentina, normalmente, coincide ou apanha os fins-de-semana, lixando os restantes que iam aproveitar o seu descanso e, assim, não só não têm direito a folga, como ainda têm que fazer o serviço de duas pessoas, enquanto os mesmos de sempre recuperam a saúde (que é como quem diz, aproveitam mais uns dias para não trabalhar).

Isto das baixas médicas...

Resultado de imagem para baixa médica

 

O Sapo informa que, de acordo com dados do Ministério da Saúde, um em cada cinco portugueses de baixa estava em condições de trabalhar.

E pergunta: "Já meteu baixa apenas por precisar de uns dias de descanso?"

 

Respondo-lhe eu: "Relativamente à minha saúde, já pedi à médica para me passar baixa, por dois dias, porque não conseguia mesmo estar de pé, nem sentada, com cólicas. Isto foi a seguir ao almoço, e fui para casa. Depois de não conseguir estar também em casa, deitada, e de as cólicas terem aliviado um pouco, peguei em mim e voltei para o trabalho, tendo utilizado duas horas de uma baixa de dois dias!"

 

Sou maluca, só pode 

Hoje em dia, teria aproveitado pelo menos aquele primeiro dia!

Espírito natalício, mas pouco...

 

Se já entrei no espírito natalício?

Em parte, sim. Mas naquela parte que menos tem a ver com o Natal!

Já andei a fazer contas ao subsídio, a estipular montantes e a comprar algumas prendas. Só isso.

Já pensei em montar a árvore de Natal, andei a ver onde a podia pôr, mas estou sem espaço. E sem dinheiro para investir numa mais pequena ou em outro tipo de enfeites. E sem tempo para me dedicar a trabalhos manuais.

Além disso, este ano o Natal vai ser bom para tirar uma semana de férias, descansar e pouco mais. O meu marido vai estar a trabalhar na véspera e no dia de Natal, os meus pais não ligam a esta época e a minha filha vai passar o dia com o pai.

Mas ainda estamos em Novembro. Até ao Natal, pode ser que o entusiasmo e o espírito desabrochem!

  • Blogs Portugal

  • BP