Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Coisas que só me acontecem a mim III

maitena.jpg

 

Achar que tenho o trabalho encaminhado e, por isso, vou ter algum tempo livre para descansar em casa e, quando lá chego, deparo-me com as prateleiras da estante da sala tombadas, e tudo o que lá estava em cima espalhado pelo chão fora!

É nisto que dá comprar coisas baratas. Sempre se disse que o barato sai caro e, neste caso, confirma-se! Mas a minha carteira não dava para mais que uma estante fraquita da Moviflor, e o resultado foi este. E nem vale a pena reclamar, porque abriu falência!

E, assim, ocupei o tão ansiado tempo de descanso a montar de novo as prateleiras, com umas peças mais resistentes para não quebrarem, e a tentar colocar tudo de novo lá em cima, sem mais acidentes. Por via das dúvidas, e porque ao mínimo toque, da maneira que a estante está, tudo pode descambar de novo, acabei por colocar várias coisas em cima da estante, em vez de dentro. 

Conclusão: uma pessoa compra uma estante para arrumar toda a tralha que tem, e acaba por não poder utilizá-la, porque não aguenta!

 

 

 

A maldição da estante!

 

Há já algum tempo que andava para comprar uma estante para os DVD's da Inês.

Ontem o meu marido encontrou uma no Aldi - a cor igual à da mobília da sala, alta, estreita - era perfeita! 

Só tinha um defeito: vinha desmontada.

O meu marido e o meu pai começaram a montá-la. Ao jantar, tivemos que desocupar o espaço e pu-la, juntamente com as peças, no corredor. 

Mas a verdade é que, quando mais tarde fomos ver, algumas peças já tinham desaparecido. E quando estávamos, finalmente, a montar tudo certinho, ouvimos um barulho, e vemo-nos cercados de vidro estilhaçado! Pego na estante para a tirar do meio dos vidros, e a base desencaixa.

Fiquei fula, danada mesmo! Gasta uma pessoa dinheiro para ter uma coisa em condições, e fica com uma estante mais capaz de servir de troncos para a lareira.

Para já, encostei-a num canto, para remediar, e com os DVD's a encherem-lhe as prateleiras ficou como esta.  

Se ninguém lhe tocar, talvez não se desfaça! Maldita estante!

 

  • Blogs Portugal

  • BP