Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Super Chefs Gang dos Frescos - uma aposta de sucesso!

Resultado de imagem para super chefs gang dos frescos

 

Há campanhas que chegam, conquistam e fazem sucesso, voltando a cada ano, com novidades e mais fortes que nunca.

É o caso desta campanha do Lidl, do Gang dos Frescos.

 

Este ano, os peluches estão de volta ao Lidl, e vêm com muitas receitas para cozinhar com toda a família.

São 6 peluches e 120 cartas, onde cada Super Chef tem a sua especialidade: pequenos-almoços (João Ameixão), entradas (Marie Fleur), almoços (Simão Lima), lanches (Ana Naz), jantares (Lady Pumpkin) e sobremesas (Pedro Melancia). Cada carta traz uma receita saudável e fácil de fazer, para que toda a família se divirta a cozinhar com a ajuda dos Super Chefs.

 

No entanto, a euforia dos mais pequenos é, por vezes, a dor de cabeça dos adultos.

Para quem tem crianças, é difícil não lhes fazer a vontade e tentar conseguir nem que seja um peluche. Se elas acompanham os pais às compras, é ainda pior.

Há quem até nem faça muitas compras no Lidl, mas vá de propósito nestas alturas, só para tentar a sua sorte.

Há quem leve mais qualquer coisita que até nem precisava, só para dar para levar mais um ponto.

Há quem tente pedir aos clientes que não querem, se podem ficar com esses pontos.

Há quem fique triste porque não vai conseguir.

 

Se virmos bem, para cada peluche é preciso juntar 15 pontos. Dão um ponto por cada 10 euros, o que significa que é preciso gastar 150 euros em compras. A esse valor acresce 2,99 euros, que tem que ser pago adicionalmente. Ou seja, um único peluche custa, a cada família, 152,99 euros. Para se conseguir a colecção completa - 6 peluches e 120 cartas de receitas - será preciso gastar cerca de 918 euros!

 

É muito dinheiro?! Sem dúvida!

Mas há quem esteja disposto a gastá-lo só para ver os filhos, os sobrinhos ou os netos felizes.

E o Lidl agradece!

 

 

Mister simpatia do Lidl de Mafra

 

Se há coisa que detesto são funcionários que se não sabem lidar com os clientes. E no Lidl de Mafra temos um que se acha superior só porque o devem ter promovido à categoria seguinte e já não é apenas um mero funcionário. E que deve ter uma vida terrível, porque este a que já apelidei de "mister simpatia", estava sempre com umas trombas que parece que todos lhe devem, e ninguém lhe paga!

Não é raro vê-lo por ali nos corredores a verificar o que é preciso repôr ou não, a arrumar caixas e ajeitar outras, para mostrar serviço, como se fosse um funcionário extremamente eficiente. Mas quando chega à parte da fala com os clientes, a eficiência evapora-se, e os bons modos e a simpatia ficam no bolso.

Nem de propósito, e por já saber como é que ele é, não esperava outra coisa mas, como era o único que ali estava, fui perguntar-lhe na mesma se tinham croissants de brioche em armazém, porque os que estavam à venda tinham acabado.

Respondeu-me logo com ar de poucos amigos que devia haver mas tinha que esperar porque a colega devia ter posto agora a descongelar. Perguntei se sabia mais ou menos quanto tempo demoraria. Não sabia, disse-me para perguntar à colega que estava encarregue disso, que deveria sair (sabe-se lá quando) pela porta do armazém.

Agradeci-lhe, e fiquei por ali a fazer o resto das compras, até que avistei a dita funcionária. Uma diferença da noite para o dia. Informou-me que ainda estavam congelados mas que, se quisesse, os poderia levar assim. Como lhe disse que não havia problema, perguntou quantos queria, foi buscar o saco, colocou-os lá dentro e foi entregar-me.

E ainda me surpreendi na caixa quando uma cliente que estava à minha frente com um carrinho enorme de compras, me perguntou se eu queria passar à frente, apesar de eu não ter apenas duas ou três coisas.

Isto só prova que andam por aí algumas almas perdidas, mas o mundo ainda não o está completamente!

Os "coissants brioche" do Lidl

IMG_1319[1].JPG

 

Já provei os do Continente, os do Pingo Doce, os do Intermarché, e até os da pastelaria.

Mas, para mim, não há "croissants brioche" melhores do que os do Lidl!

São doces, fofinhos, saborosos, e duram mais tempo que os outros sem estragar.

E não devo ser a única a pensar o mesmo porque eles desaparecem num abrir e fechar de olhos.

No outro dia, antes do meio dia, já não havia nenhum. Perguntei à funcionária se iam ter mais nesse dia. Disse que sim, que iam fazer, mas só da parte da tarde. Aliás, sempre que faço essa pergunta, costumam-me responder o mesmo: que vão "fazer" mais. E, de facto, uma vez que têm lá o forno, sempre pensei que os fizessem lá. Que viesse a massa congelada, e que os cozinhassem no forno. Mas não.

Qual não é o meu espanto quando, nessa tarde, voltei ao Lidl, e a funcionária me diz que já os tinha, mas se fosse para comer nessa altura ainda não estavam capazes. Na verdade, os croissants vinham congelados, sim, mas já feitos, dentro de caixas de cartão! Ou seja, ao que parece, não os fazem, apenas descongelam!

 

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP