Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

A praia do Baleal, em Peniche

(fiquei rendida a mais este paraíso)

240427276_1862349340613848_8382469299196039840_n.j

 

Não é todos os dias que encontramos uma praia em que podemos escolher em que "mar" tomamos banho e damos uns mergulhos. Ou nos damos ao luxo de aproveitar os dois, bastando atravessar uma pequena estrada para o outro lado.

 

Não é todos os dias que encontramos mar calmo, mais propício para nadar, e mar mais agreste, para quem prefere mergulhar e sentir a força das ondas, ou fazer surf.

 

Não é todos os dias em que temos uma praia com um lado sul, mais familiar e apetecível para os banhos de sol, com a areia mais fina, e um lado norte, mais destinado a quem queira fugir da escolha geral e, de certa forma, mais selvagem mas, por isso mesmo, mais bonito de ver.

 

Não é todos os dias que apanhamos água morna (sim, mesmo morna, embora tenha sido só num primeiro banho), mesmo lá mais para a frente. Não foi no Algarve, nem no Alentejo que, aí, apanhei sempre fria. Foi mesmo no Baleal!

 

Não é todos os dias que nos sentimos verdadeiros turistas, mesmo sem o ser.

Que podemos apreciar as dunas, numa espécie de dois em um, de campo e praia.

Eu sou fã número 1 de Tróia, depois da "minha" Ericeira, claro. 

Mas fiquei rendida a mais este paraíso português!

Numa península que, em tempos, já foi ilha.

 

240971107_143622047932135_6897604054271695923_n.jp

241077248_341002491072157_8595704585436058056_n.jp

241002695_1581799708878629_4462655542781578663_n.j

 

241071813_881468429137965_5065688003905232650_n.jp

241017083_3050234475256444_1188962323241823534_n.j

240563676_432706824699446_8484944767073929276_n.jp

240421525_888358785394993_1119032057140623281_n.jp

240437160_544565480199259_894979413920704631_n.jpg

240603889_577155793309480_6323796306223496304_n.jp

240581040_827582597959368_6633805122103773601_n.jp

240567912_917888779080831_4340488793051638556_n.jp

240921720_228192695910069_4668380354315969550_n.jp

240466832_1229471474191871_3905632189079577784_n.j

240892955_1248083988948197_2626791984963547608_n.j

240422285_841314646526612_6042986104611131705_n.jp

240476367_4186305864818020_438774532723898427_n.jp

236051908_828775851342356_3446409661617379554_n.jp

 

 

 

3 momentos do último fim de semana

 

Almoço em Peniche, seguido de uma ida até ao Baleal.

Sim, uma bela pizza, que saiu muito mais barata e, além disso, não somos fãs de peixe!

A hora do almoço já ia tardia, e este restaurante italiano estava praticamente vazio, ao contrários dos outros, que rebentavam pelas costuras (e ainda dizem que estamos em crise). Fomos muito bem servidos, bem atendidos pelos funcionários e não saiu caro.

 

 

 

 

Seguiu-se uma visita à Foz do Arelho, já com a digestão feita e onde tomámos o primeiro banho do dia!

Não dava era para nadar, porque a corrente estava muito forte.

 

 

 

E, antes do regresso a casa, "atracámos" em S. Martinho do Porto!