Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

Marta - O meu canto

Guardamos tanta coisa só para nós - opiniões, sentimentos, ideias, estados de espírito, reflexões, que ficam arrumados numa gaveta fechada... Abri essas gavetas, e o resultado é este blog!

O dia em que comprei uns ténis para mim

IMG_4696.JPG

 

Não era nada disto que eu queria!

Só precisava de comprar umas sabrinas para calçar nestes dias em que já está frio para andar de sandálias, mas calor para usar botas.

Ainda experimentei as da minha filha mas, para variar, estão grandes e caem-me dos pés. 

Nas sapatarias, o que há, ou está grande demais, ou pequeno demais, ou é demasiado folclórico para o meu gosto.

Fui ao chinês com a minha filha, para ela comprar uns ténis para ela. Experimentou vários, não se sentiu bem com nenhuns. Também não havia sabrinas de jeito para mim.

Acabei por ser eu a sair de lá, depois de a minha filha insistir que ficava bem, com uns ténis para mim!

Eu, que sou totalmente avessa a este calçado, perdi a cabeça :)

 

Sim, até são bonitos e confesso que não ficam mal, e dão um bom andar. Mas continuo a não gostar muito de me ver com eles.

 

Ténis, por que não os quero!

 

Resultado de imagem para ténis sapatos

Porque se há calçado que sempre detestei foi ténis.

Sempre fui menina e mulher de sapatos, botas e sandálias, mas nunca ténis. Esses, só para as aulas de educação física (que também odiava), nos tempos em que estudava. E bastou.

Actualmente não pratico qualquer actividade física, por isso não preciso deles. E, se me quiser sentir confortável, tenho muitas outras opções que fazem mais o meu estilo.

 

 

 

 

  • Blogs Portugal

  • BP